...com alma, com gentes, com sabores, com sensações, com saudades...

segunda-feira, outubro 02, 2006

Prémio Prof. Dr. José Pinto Peixoto - Ensino Básico 1 º Ciclo

António Morais Lajas, Tatiana Andrade Prata e Tiago Emanuel Monteiro Ladeiro, alunos da Escola do Ensino Básico da Miuzela, foram os contemplados com “Menções Honrosas” pela sua participação no concurso ao “Prémio Professor Doutor José Pinto Peixoto – Ensino Básico 1 º Ciclo”. A cerimónia de entrega dos prémios decorreu no passado dia 6 de Agosto, na Miuzela, com a presença de numerosa assistência, tendo sido presidida pelo Presidente da Associação Casa de Cultura Professor Doutor José Pinto Peixoto.
O concurso teve por base uma composição escrita sobre o livro “Miuzela – A Terra e as Gentes”, da autoria do patrono da Associação, assinalando o 10 º aniversário da publicação da obra, ocorrida escassos quatro meses antes do seu falecimento.
No decorrer da cerimónia foi apresentada uma comunicação sobre a referida obra pelo Dr. Victor Morais Ladeiro. O orador dissertou sobre a sua importância como memória da Miuzela e registo da identidade da freguesia nos seus variados aspectos (geografia física e humana, património arquitectónico e religioso, história, tradições, gastronomia, cancioneiro popular, etnografia, etc.), salientando, designadamente, o valor, para a respectiva comunidade, de importantes documentos oficiais inéditos que ilustram a obra, e que através dela foram preservados e divulgados, para conhecimento da comunidade, estudo e outros fins.
Durante a sessão foi também feita a evocação da figura do Professor Doutor José Pinto Peixoto, através de uma comunicação apresentada pelo Dr. Manuel Henrique Vieira Torres, docente da Universidade Moderna. O orador desenvolveu, especialmente, as qualidades do homenageado - que bem conheceu e com o qual trabalhou -, como académico e cientista e como cidadão, humanista e amigo, destacando “a simplicidade como explicava as coisas mais complexas”, “o cuidado extremo em não magoar quem quer que fosse”, a sua prontidão para “auxiliar quem precisasse da sua ajuda para singrar na vida”, e a forma como “lidava com a ingratidão com o distanciamento adequado para evitar o incómodo”.
A encerrar a sessão fez a sua apresentação pública o “Ranchinho da Miuzela”, grupo folclórico formado por crianças e jovens da Miuzela, mais uma excelente iniciativa local que bastante se aplaude, com a finalidade de revitalizar a cultura tradicional local junto das gerações mais novas.
Decorre, entretanto, a preparação da evocação do 10 º aniversário da morte do Professor Doutor José Pinto Peixoto, com cerimónias que terão lugar na Covilhã (seminário científico na Universidade da Beira Interior), na Miuzela (celebração religiosa e sessão cultural) e em Almeida.

O Presidente da Casa de Cultura
Augusto José Monteiro Valente

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial